logo site

Itapecerica da Serra

Além dos secretários mais 27 livres-nomeados são exonerados em Itapecerica

 Além dos dez secretários municipais exonerados, o atual prefeito de Itapecerica da Serra, Paulo Pereira decidiu mandar embora e já consta no diário oficial, mais 27 funcionários, na data da última terça, 17 de setembro.

 
Dentre estes nomes estão a superintendente de Saúde, Michele Sales, o responsável pelo departamento de Comunicação Social, Fábio José da Silva e o comandante da GCM, Cláudio Evangelista.
 
Os demais nomeados que foram exonerados ocupavam cargos de confiança do prefeito afastado Jorge Costa, devido a complicações do novo coronavírus, em diferentes setores: gabinete do prefeito (9). Assessor Assuntos Jurídicos (8). Assessor do gabinete da secretaria de Proteção e Defesa Civil e diretor de departamento (4). 
 
Ouvidoria da GCM e comando da corporação (2). Cargos em comissão da secretaria de Trânsito e Transporte (2). A procuradora geral do município relacionada a secretaria de Assuntos Jurídicos também foi exonerada, mas Paulo Pereira já nomeou Osmanir Bastos Viana para o cargo.
 
Crise política 
 
Em fevereiro de 2019, Paulo Pereira anunciou seu rompimento com o Jorge Costa. Paulo é vice e andou lado a lado de Costa durante anos e no decorrer da edição de 2017. 
 
 O rompimento, segundo Paulinho, é sem volta e aconteceu, de acordo com ele, porque Costa em novembro pediu uma carta de exoneração de todos os livres-nomeados, incluindo secretários. 
 
Paulinho afirma que todos entregaram, mais somente sua esposa, Helena Rol, ex-secretária de Inclusão Social e mais quinze pessoas do partido PSB, foram exoneradas.
 
 “Não houve briga com o Jorge Costa, se quer discutimos, mas ele tomou as decisões (de pedir uma carta de exoneração de todos os livres-nomeados, incluindo secretários do PSB) sem ao menos me chamar para conversar. Eu trabalho de segunda a sexta então não teria porque ele não me procurar”, observou.
 
 O Click Regional apurou que o prefeito pediu a carta de exoneração aos cargos comissionados, porque desconfiava de que uma parte deles estava trabalhando por causa própria, ou seja, fazendo campanha partidária antecipada a Paulinho. 
 
Costa e Pereira são canditatos a prefeito, em chapas e coligação separadas.
 
Foto Google Street View

© 2015-2020 Click Regional - Todos os direitos reservados. Site desenvolvido por OSN

logo site